ESCOLHA SUA TRILHA 

10:00
Como internalizar a competência digital na sua organização?
Tipo: Simultânea
Trilha: Digital
Descrição: Serão abordadas as transformações disruptivas e exponenciais que estão ocorrendo no mercado brasileiro hoje e os novos conhecimentos e competências exigidos dos profissionais. Estarão em debate os modelos de gestão mais utilizados nesse processo de transformação ou transição e os desafios que a liderança de RH enfrentará, desde os efeitos nos processos de Aquisição e Retenção de Talentos até os"débitos organizacionais” criados nessa jornada.
Localização: Palco 4
Horário: 10:00 até 11:00
Palestrantes: Rodrigo Nasser
A Revolução da Longevidade já começou
Tipo: Simultânea
Trilha: Cultura
Descrição: Um negócio social formado por uma equipe intergeracional que abraça a causa da longevidade. Com a sua participação, vamos engajar cada vez mais empresas e pessoas e aumentar o número de oportunidades para profissionais maduros em todo o Brasil. A MaturiJobs foi reconhecida pelo Sebrae e pelo PNUD Brasil no Prêmio Incluir 2017 como negócio de impacto social alinhado aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU na categoria Soluções para Melhor Idade.
Localização: Palco 1
Horário: 10:00 até 11:00
Palestrantes: Mórris Litvak
Economia e bem-estar – Uma nova métrica de sucesso das organizações
Tipo: Simultânea
Trilha: Mercado e Tendências
Descrição: O foco da palestra é o Sistema B, que trabalha por uma economia em que o sucesso seja medido pelo bem-estar das pessoas, das sociedades e da natureza. Assim, o movimento global de Empresas B visa redefinir o sentido de sucesso econômico. A missão do Sistema B é construir um ecossistema favorável para fortalecer empresas que usam a força do mercado para solucionar problemas sociais e ambientais. As empresas B são certificadas pelo B Lab, instituição sem fins lucrativos fundada em 2006, nos Estados Unidos, e hoje já difundida para vários países. O objetivo é que os valores e a ética inspirem soluções coletivas sem deixar de lado as necessidades particulares. O Sistema B é motivado por milhares de pessoas que querem trabalhar por um mundo melhor, promovendo formas de organização econômica que possam ser medidas com base no bem-estar, no curto e no longo prazo. Serão apresentados os cases e desafios, nesse contexto, das empresas Mãe Terra e Unilever.
Localização: Palco 2
Horário: 10:00 até 11:00
Programa Lótus - Engajando em momentos difíceis
Tipo: Simultânea
Trilha: Liderança e Talentos
Descrição: O programa da empresa Anglo America é voltado ao desenvolvimento de colaboradores e da comunidade. São várias iniciativas, como o workshop de planejamento voluntário, o sábado cultural, campeonato de futebol, caminhada da saúde, aula de culinária, grupo de turismo, oficina de fotografia e Excel fundamental –, num total de mais de 330 atividades, além de treinamentos obrigatórios. Durante a palestra, também levado ao público a atuação dos colaboradores da Anglo na tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais.
Localização: Palco 3
Horário: 10:00 até 11:00
11:30
Em breve
Tipo: Magna
Trilha: Em breve
Descrição: A Neurociência tem nos brindado com descobertas espetaculares. O funcionamento do cérebro, de como tomamos nossas decisões e como lidamos com emoções e com a razão. As descobertas científicas cada vez mais têm sido utilizadas para que possamos aprimorar e aperfeiçoar performances nos ambientes de trabalho, principalmente no que diz respeito as lideranças. Essa palestra procurará mostrar como essas descobertas cientificas podem nos auxiliar a cada vez mais nos aprimorarmos como seres humanos completos. Como a neuro ciência nos ajuda a liderar melhor? Como essas descobertas dos últimos anos podem contribuir para humanizarmos relações e performances? o que precisamos compreender para evoluirmos com qualidade? A neurociência deve ajudar, e muito, a refletirmos sobre estas questões.
Localização: Auditório Principal
Horário: 11:30 até 12:45
14:20
Vida ou Morte na Era Exponencial
Tipo: Magna
Trilha: Cultura
Descrição: Um ambiente repleto de desafios reserva oportunidades até então não mapeadas. O mundo está em aberto. A vida está em aberto. O que fez empresas como Netflix, Airbnb e Uber assumirem o lugar de companhias e modelos de negócios aparentemente consagrados e indestrutíveis? O que nos reserva o futuro? Embora muito se tenha falado sobre esses novos players do mercado, ainda há inúmeras dúvidas sobre como será o futuro do mundo corporativo, com seus diversos modelos de empresas e negócios, muitos dos quais ainda se consideram inabaláveis. O fato, porém, é que, diariamente, o mundo passa por mudanças em todas as áreas. Hoje coabitam, no mesmo momento, o novo – representado pelas novas tecnologias, inovações e rupturas – com o clássico, o tradicional, forjado ao longo de séculos de convivência e desenvolvimento humano. Essa nova Era é conhecida como a 4ª Revolução Industrial, a mais abrangente, profunda e ampla da história. É a única que harmoniza descobertas transformadoras integrando, pela primeira vez, o mundo físico, digital e biológico em um mesmo ambiente. Com essas mudanças, o modelo de gestão também precisa mudar: os modelos corporativos, os líderes, os mecanismos de educação, etc. Esta palestra vai auxiliar para que seja melhor compreendido o momento em que vivemos e contribuir para que o RH seja cada vez mais estratégico ao entender essas complexidades e considerá-las nas contratações, capacitações e promoções.
Localização: Auditório Principal
Horário: 14:20 até 15:35
14:50
Tudo e todos em transformação. Como nos adaptamos e cocriamos o futuro sem perder a essência?
Tipo: Simultânea
Trilha: Cultura
Descrição: A cultura organizacional da Kimberly-Clark, que tem como visão “Liderar o mundo no que é essencial para uma vida melhor”, norteia o estilo de trabalho humanizado e cuidadoso desenvolvido e aplicado pela companhia. Essa cultura se traduz na criação de programas, benefícios e iniciativas que visam ao bem-estar do colaborador, contribuem para o seu desenvolvimento profissional e pessoal e favorecem cada vez mais uma vida saudável e equilibrada. É essa cultura organizacional tão bem assimilada e praticada que facilita o diálogo aberto, conectando o propósito pessoal dos colaboradores com o negócio e permitindo que eles sejam protagonistas em novas formas de compartilhar conhecimento. Em um ambiente favorável à troca de experiências e à cocriação de projetos, a relação empresa-colaborador se fortalece e se humaniza à medida que os empregados são empoderados como agentes de mudança e conseguem enxergar o seu papel transformador no dia a dia da organização.
Localização: Palco 2
Horário: 14:50 até 15:50
Palestrantes: Alessandra Morrison
15:50
Produtividade da força de trabalho
Tipo: Simultânea
Trilha: Mercado e Tendências
Descrição: Ferramentas e programas de produtividade que o RH pode implementar para trazer resultados ao negócio
Localização: Palco 1
Horário: 15:50 até 16:50
Em breve
Trilha: Em breve
Descrição: Em breve
Localização: Palco 2
Horário: 15:50 até 16:50
Em breve
Tipo: Simultânea
Trilha: Liderança e Talentos
Descrição: Em breve
Localização: Palco 3
Horário: 15:50 até 16:50
Em breve
Tipo: Simultânea
Trilha: Em breve
Descrição: Em breve
Localização: Palco 4
Horário: 15:50 até 16:50
17:20
Painel - O Papel da cultura - Fortalecendo valores e pessoas
Tipo: Magna
Trilha: Mercado e Tendências
Descrição: Diria um dos maiores nomes da administração mundial, Peter Drucker: “A cultura se alimenta da estratégia no café da manhã “. Não há estratégia, por mais espetacular que seja, que sobreviva a cultura de uma empresa. Elas devem andar juntas e, se necessário mudar, que se comece pela cultura. A estratégia deve considerá-la como um pilar fundamental para que o negócio sobreviva saudável. O Outro pilar que deve ser considerado dentro deste espectro são os valores. Eles devem dar a consistência e nortearem a vida da empresa por meio de seus colaboradores. Por isso qualquer evolução, mudança de rota, flexibilização deve passar por avaliarmos a cultura da empresa, entendermos o momento, criarmos uma maturidade de comunicação e relacionamento dentre as equipes, para solidificar propósitos e visão das equipes sobre o seu papel e para que isso encontre eco e possa impactar a condução dos negócios e a atuação de cada colaborador. Os valores devem ser amplamente divulgados e utilizados para que isso se torne realidade. O que precisamos fazer ? Qual o papel da empresa como facilitadora deste processo ? Podemos considerar que as pessoas são empreendedores individuais dentro da empresa ? E o protagonismo como fica ? Devemos esperar que as decisões sejam top down ? Como permear novas perspectivas dentro da empresa ? Este painel pretende discutir a cultura e os valores em tempos de mundo VUCA. Como contar com as pessoas sem esquecer de seu lado humano? O que precisamos considerar?
Localização: Auditório Principal
Horário: 17:20 até 18:35
Palestrantes: Camilla Junqueira

Boleto

×
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.